A Cinco Passos de Você

Romances juvenis sempre são grandes chamarizes de público – principalmente o feminino – para os cinemas. Vira e mexe esse gênero reaparece em cartaz. Nos últimos tempos, porém, esse tipo de filme vem acompanhado de outra temática, abordando temas mais pesados como doenças graves e/ou raras. Foi assim com o sucesso A Culpa é das Estrelas, de 2014, adaptação para as telonas do sucesso literário de John Green e que mostrava um jovem casal com câncer.

A Cinco Passos de Você tem a mesma pegada, mas aborda outra doença: a pouco comentada fibrose cística. A FC é, em linhas gerais, uma doença que causa o acúmulo de muco nos pulmões e em outras áreas do corpo. O filme que chegou aos cinemas nesta semana segue a mesma proposta dos demais do gênero: dois jovens que aparentemente não têm muita coisa em comum – a não ser a doença e a luta pela vida – começam a se conhecer e desenvolvem um romance fadado a não dar certo.

O casal teen do filme é vivido por Haley Lu Richardson (Stella) e Cole Sprouse (Will). A química dos dois é excelente e, apesar de Cole não ser um ator extraordinário (faz sucesso na série jovem Riverdale e por isso deve atrair grande público feminino juvenil), faz com que as atuações prendam o espectador. Haley é a que manda melhor. Suas cenas solitárias no quarto do hospital – cenário de praticamente toda a trama – são de arrancar risos e lágrimas do espectador. A interação dela com Moises Arias, que interpreta o melhor amigo de Stella (Poe), são divertidas e tocantes.

A Cinco Passos de Você é daqueles filmes que se destacam pela emoção mesmo. Não tem vergonha de “apelar” para fazer o público cair nas lágrimas – às vezes passa do ponto, quando poderia ser mais sutil e entregar uma emoção menos forçada. Mas, no geral, o longa sabe o momento de “puxar as cordas” certas para acionar o choro do espectador.

Como romance, o filme é efetivo e mostra a evolução do relacionamento de Stella e Will de maneira singela. Certamente irá conquistar o público feminino, para quem a obra é especialmente produzida – e não faz questão de esconder isso. E mesmo as pessoas de coração mais duro deverão se emocionar com todos os momentos minuciosamente pensados para isso, desde os alegres aos tristes.

Resumindo, A Cinco Passos de Você é eficaz, divertido em alguns momentos e emocionante na maioria deles, mas acerta a dose do sentimento praticamente sempre. Carrega consigo apenas os problemas comuns desse tipo de filme, como atuações e roteiro manjado. Mas, para o público no geral, vai ser muito difícil reparar nesses defeitos porque as lágrimas certamente serão um empecilho – devo confessar que foi impossível não sair da sessão com um nó na garganta. Uma dica: leve lenço.

Nota: 3,5 estrelas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *