Contra o Verdão, empate teria sido justo

Precisando pontuar, o Ituano enfrentou o Palmeiras na noite da última quarta-feira (27/02), no Allianz Parque e, embora tenha lutado muito, acabou saindo com a derrota por 2×3. O resultado não garante até o final da nona rodada o Ituano na zona de classificação.

O até então razoável ataque do Palmeiras chegou ao primeiro gol logo aos 12 minutos, com Ricardo Goulart. O mesmo Ricardo, aos 23, ampliou o placar. Na primeira etapa o Ituano não se encontrou em campo e mereceu o marcador.

Na etapa final, o time de Vinícius Bergantin veio com outra postura e outra determinação. Aos 9 minutos, Serrato, em lance duvidoso, diminuiu para o Galo Guerreiro, mas antes que o time pudesse se impor, Borja – em assistência de Ricardo Goulart – fez o terceiro.

O Ituano seguiu lutando e procurando o gol. Em momento algum apelou para a violência e seguiu apenas jogando futebol. Foi assim que aos 29, Morato marcou o gol mais bonito do jogo, diminuindo a vantagem verde novamente.

O gol assustou o Palmeiras, que já se via vencedor com folgas e o jogo ficou ainda mais disputado, mas acabou chegando ao final com o triunfo  alviverde. Caso houvesse o empate o resultado teria sido mais justo e coerente.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *