Falece em Itu o empresário e professor Mylton Ottoni da Silveira aos 82 anos

Falece em Itu o empresário e professor Mylton Ottoni da Silveira aos 82 anos

Ao lado de Getúlio Schanoski, Ottoni recebendo a Medalha Domingos Fernandes em 2016/ Foto – Arquivo JP

Faleceu em Itu, na madrugada da última segunda-feira (06), o Acadêmico Mylton Ottoni da Silveira, aos 82 anos. Nascido em Cabreúva, em 29 de julho de 1936, era professor normalista diplomado pelo Instituto de Educação Regente Feijó. Estudou Pedagogia e Administração Escolar. Trabalhou como professor e Diretor de Escolas do Ensino Público do Estado de São Paulo.

Como empresário, fundou e dirigiu a Editora Ottoni, responsável pela edição de mais de mil títulos de obras literárias e técnicas. Desta forma, impulsionou a produção literária nas regiões de Itu e Sorocaba, responsável pela reedição de dezenas de obras históricas da literatura regional, de autores como Aluísio de Almeida, Francisco Nardy Filho, Cornélio Pires e Augusto Cesar de Barros Cruz.

Ottoni era estudioso da formação do povo paulista e das antigas aldeias do interior. É autor de “1000 Questões” (1976), além de diversos trabalhos publicados em revistas das associações que participava, como o Instituto Histórico, Geográfico e Genealógico de Sorocaba. Era associado de diversas entidades como o Rotary Clube, a SACI (Sociedade Amigos da Cidade de Itu) e a Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Itu.

Na Academia Ituana de Letras, ocupava desde 2009 a Cadeira nº 06, cujo patrono é o jornalista Joaquim Leme de Oliveira Cesar. Casado com a Sra. Inês da Silveira, deixou os filhos Marcelo e Maurício e netos. O enterro se deu às 17h do mesmo dia, no Cemitério Municipal de Itu.

A ACADIL homenageará a memória do Acadêmico Mylton Ottoni da Silveira em sua reunião mensal, no próximo sábado (11), às 10h, na Sala Padre Luís Yabar (localizada na Igreja do Bom Jesus).

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *