Festa Japonesa chega à 10ª edição com novidades

Por Beatriz Pires 

Há 111 anos, em 18 de junho de 1908, o primeiro navio com imigrantes japoneses aportou no Brasil, em Santos/SP. Atualmente, o país tem a maior população japonesa fora do Japão, com cerca de dois milhões de japoneses. Em Itu, a colônia japonesa também se expandiu e é uma das maiores da cidade. Para disseminar a cultura no município, os descendentes japoneses realizam desde 2009 a Festa Japonesa de Itu.

“A festa foi idealizada pelos descendentes de japoneses mais antigos da cidade juntamente com o poder público, pois Itu historicamente também foi importante para a imigração japonesa no Brasil”, explica o diretor cultural da Associação Cultural Esportiva Nikkey de Itu (Acendi), Jorge Shimoda. “Este ano comemoramos 111 anos da imigração japonesa ao Brasil e Itu recebeu imigrantes do primeiro navio que aportou em Santos”, enfatiza.

O evento, que acontece neste fim de semana (09 e 10), das 11h às 21h, chega à décima edição e já se tornou tradicional na cidade, com grande adesão da população. “Após nove edições o público já está familiarizado com esta festa. Atualmente com as mídias sociais temos muitas interações positivas de nossos posts sobre a festa”, relata Shimoda.

Além de ser importante para reforçar a cultura japonesa em Itu, a festa também atrai empresas e turistas da região, aumentando a movimentação da economia local. “Notamos um interesse cada vez maior por parte de parceiros do evento, empresas que vendem e expõem seus produtos. Por exemplo, este ano temos parceiros de São Paulo, São José dos Campos, Marília, etc”.

Novidades
Tradicionalmente realizada na Praça da Matriz, neste ano a Festa Japonesa será realizada na Praça da Independência por conta das reformas no local anterior. Mas, além dessa mudança, o evento conta com mais duas novidades. “Primeiro é o tema do evento: ‘Um pouco de cada um para um mundo melhor’, por sermos uma associação que se mantém pelo trabalho voluntário de seus associados, é uma homenagem e um destaque deste espírito de nos ajudarmos para o bem comum”, ressalta Shimoda.

“O segundo ponto de destaque para este ano é a parte musical. Como celebramos a décima edição, teremos a presença de dois expoentes da música japonesa no Brasil, no sábado Nobuhiro Hirata e no domingo Karen Ito. Além do tradicional “taiko” (tambores japoneses) com grupos de Campinas, Indaiatuba e Sorocaba”, diz.

Confira a programação:

Sábado

15h: Okinawa Taiko

15h30: Sumô

16h30: Ryuu Taiko

17h30: Okinawa Taiko

19h: Ryuu Taiko

19h30: Abertura

20h: Show Nobuhiro Hirata

Domingo

12h30: Inazuma Taiko

14h: Dança Okinawa

15h: Inazuma Taiko

16h: Odori – Dança Tradicional

17h: Show Karen Ito

19h: K-POP June Company

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *