Fixação do “Mastro de São Benedito” dá início às festividades do santo na cidade

Na manhã do último domingo (07), teve início oficialmente as celebrações de São Benedito na cidade com a fixação do mastro em homenagem ao santo em frente à igreja em que é padroeiro. A colocação foi acompanhada de perto pelos fiéis e devotos, além do Grupo Cia Folia de Reis Estrela do Oriente de Itu. Em seguida, aconteceu a Missa Festiva.

Benedito Macene ao lado do mastro: tradição que segue há 52 anos/ Foto – André Roedel

A fixação do mastro de São Benedito é uma tradição histórica na cidade. Benedito Macene, de 78 anos, é um dos devotos que acompanha há mais tempo essa demonstração de fé ao santo padroeiro dos negros e dos cozinheiros. “Eu participo do mastro já faz 52 anos”, conta ele à reportagem do “Periscópio”.

“Eu sou de Itapetininga. Eu vim para Itu em 1953. Eu comecei a participar da paróquia em 1963, quando eu casei. E o meu sogro participava e ele era da irmandade, dançava samba aqui na frente da igreja. E ele me disse assim: ‘se você quiser casar com a minha filha, você tem que entrar na Irmandade de São Benedito’. Eu disse que não era problema”, relata. “Eu tenho 51 anos de casado e 52 anos participando do mastro”.

Benedito, porém, prefere não comentar a mudança na cerimônia do hasteamento do mastro – que antes contava com uma procissão saindo da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Candelária, porque não quer “prejudicar ninguém”. A reportagem do JP, entretanto, conversou com outros participantes que mostraram insatisfação com a alteração.

A Irmandade de São Benedito foi fundada em 1693, na antiga Igreja de São Luís de Tolosa (que era localizada no Largo de São Francisco), que tornou-se “templo” dos negros africanos trazidos como escravos para Itu e que não possuíam casas religiosas para a comemoração de suas crenças. Eles eram devotos de São Benedito.

Com o incêndio que destruiu a Igreja de São Luís, em 1907, a Irmandade construiu um novo templo em 1910, que é a atual Igreja de São Benedito, um pequeno museu barroco maneirista. O terreno da Igreja foi doado pelo italiano Miguel Véspoli, devoto do santo.

A Festa de São Benedito prossegue neste final de semana em Itu, quando haverá grandiosa quermesse nos dias 13 e 14. No sábado (13), às 20h, haverá apresentação do grupo Apogeu, sendo que uma “roda de samba” ficará encarregada da musicalidade no domingo (14). A Igreja de São Benedito fica na Rua Santa Cruz, 600, Centro. (André Roedel)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *