Fundação Marcos Amaro inaugura mostra permanente com grandes obras em Itu

A exposição com curadoria de Ricardo Resende reúne aproximadamente 50 trabalhos/ Foto – Beatriz Pires

A cidade de Itu tem agora um novo espaço cultural. No último sábado (23) foi inaugurada a exposição permanente “O tridimensional na coleção Marcos Amaro: frente, fundo, em cima, embaixo, lados. Volume, forma e cor”, instalada na Fábrica de Arte Marcos Amaro, local em que funcionou a antiga Fábrica São Pedro, importante polo da indústria têxtil.

O artista, colecionador e empresário se instalou no local inicialmente com uma oficina. Com o tempo, o intuito de permitir e fomentar a descentralização da arte, trazendo este conceito para o interior, foi criando forma. “Devagarzinho foi crescendo a ideia de poder projetar do meu ateliê para também outras frentes, como, por exemplo, mostrar a coleção da fundação. E o espaço já favorece muito essa possibilidade, então uniu uma coisa a outra e agora fico feliz de estar podendo apresentar uma parte da coleção”, afirma.

A exposição com curadoria de Ricardo Resende reúne aproximadamente 50 trabalhos entre pinturas, esculturas, relevos e instalações. São criações de artistas de gerações e influências distintas, como Aleijadinho, Nuno Ramos e Gilberto Salvador, do Barroco à contemporaneidade, passando ainda pelos modernistas. “Acho que para Itu é uma coisa importante, porque vai trazer arte contemporânea, não que Itu não tenha, já tem, mas de alguma forma cria um endereço, espero que internacional. E a outra coisa também é que possibilita um incentivo de oportunidade para jovens artistas que também queiram se expressar e, de alguma forma, estarem próximos do espaço”, explica Marcos Amaro.

A mostra se expande para além dos limites do espaço. Os jardins da fábrica foram tomados por esculturas monumentais dos artistas Caciporé Torres, Emanoel Araújo, Gilberto Salvador, José Resende, José Spaniol, Marcos Amaro, Mário Cravo, Mestre Didi e Sérgio Romagnolo.

O evento contou com as presenças de autoridades, entre elas o prefeito Guilherme Gazzola e o secretário municipal de Cultura, Geraldo Gonçalves Júnior, e diversos artistas. Durante a solenidade ocorreram intervenções artísticas alusivas a algumas obras de Almeida Júnior, como “Caipira Picando Fumo” e “O Violeiro”.

A visitação pode ser feita gratuitamente de terça a sexta-feira, das 10h às 17h, na sede da Fundação, localizada na Rua Padre Bartolomeu Tadei, 9, Centro. (Beatriz Pires)

Um comentário em “Fundação Marcos Amaro inaugura mostra permanente com grandes obras em Itu

  • 28 de junho de 2018 em 15:52
    Permalink

    Parabéns! Marcos Amaro
    Sucesso! E muitos projetos.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *