Indaiá: Ex-prefeito Reinaldo Nogueira é condenado a 23 anos de prisão

Ex-prefeito já havia sido condenado anteriormente, também recorrendo em liberdade / Foto – Notícias de Indaiatuba

Na última terça-feira (07), a Justiça condenou o ex-prefeito de Indaiatuba, Reinaldo Nogueira, a 23 anos e quatro meses de prisão em regime inicialmente fechado, além de pagamento de multa, por suposto desvio de recursos, após desapropriação de um imóvel adquirido no ano de 2004 por seu pai, Leonício Lopes Cruz. A decisão da 1ª Vara Criminal diz que Nogueira pode recorrer em liberdade.

O ex-chefe do Executivo indaiatubano já havia sido condenado no último mês de junho a 15 anos de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Na época, Reinaldo também pôde recorrer em liberdade. Antes disso, em junho de 2016, o ex-prefeito foi preso durante operação do Ministério Público para investigação de corrupção nas desapropriações.

Pai de Nogueira, Cruz também foi condenado na terça-feira a 17 anos e dois meses de prisão, além do pagamento de multa. Segundo a 1ª Vara Criminal, “Leonício detinha posição chave no esquema criminoso, na medida em que sempre foi o proprietário oculto do imóvel desapropriado, assim como atuava como procurador do filho, o qual foi o responsável legal pela desapropriação”, diz trecho da decisão.

Em declaração ao Portal G1, o advogado do ex-chefe do Executivo e de seu pai, Dr. Ricardo Sayeg, disse estar seguro do resultado positivo, acreditando na justiça, ao dizer sobre o ingresso com apelação junto ao Tribunal de Justiça de São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *