Itu tem variação positiva na geração de empregos no primeiro semestre de 2018

Itu tem variação positiva na geração de empregos no primeiro semestre de 2018

Tabela no site do Caged mostra resultado do primeiro semestre em Itu/ Foto – Reprodução

Dados divulgados pelo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) do Ministério do Trabalho mostram que Itu teve uma variação positiva de 1.154 vagas na geração de empregos no primeiro semestre deste ano. O resultado é mais de cinco vezes melhor que igual período de 2017, quando a variação foi de apenas 215 postos de trabalho a mais.

O resultado também é o melhor da série histórica apontada pelo Caged desde 2011, quando Itu fechou o primeiro semestre com 1.699 admissões a mais. Os resultados foram piorando a medida que a crise econômica foi se intensificando, chegando a registrar variação negativa de 395 vagas em igual período de 2016. A variação dos seis primeiros meses é melhor que 2017 inteiro, quando houve 129 contratações a menos ao todo. (André Roedel)

Os números do Caged mostram que 10.473 admissões foram registradas na cidade nos seis primeiros meses do ano, contra 9.319 desligamentos. O setor de Serviços liderou o bom resultado ituano, com 879 contratações a mais. Destaque também para a Indústria, com variação positiva de 384 vagas.

Já o Comércio apresentou queda no primeiro semestre, com 2.184 contratações e 2.300 demissões – resultando numa variação negativa de 116 postos de trabalho. A Construção Civil também apresentou queda, apesar de contar com números mais modestos: 232 admissões e 240 desligamentos (variação negativa de 8 vagas).

Prefeito de Itu, Guilherme Gazzola (PTB) celebra os resultados alcançados na área do emprego em sua gestão. “A nova administração trouxe um ambiente de segurança e incentivo aos novos investimentos, e isto começa a se refletir na geração de empregos e renda”, disse ao Periscópio.

Na região

O resultado ituano no primeiro semestre foi o melhor da região de Sorocaba, que engloba 15 cidades, entre elas Salto, Porto Feliz e Votorantim. Capela do Alto, com variação positiva de 822 vagas, aparece em segundo lugar, enquanto Sorocaba, com saldo de 794 postos de trabalho, fecha o top 3.

A vizinha Salto registrou 5.227 admissões e 4.633 demissões no primeiro semestre, com saldo de 594 vagas a mais. Porto Feliz teve variação de 467 vagas, com 3.028 admissões e 2.561 demissões. As empresas de Cabreúva, também vizinha de Itu, admitiram 2.786 pessoas e demitiram 2.520, com saldo de 266.

Na região de Campinas, a cidade sede ficou em primeiro na geração de emprego, com 2.828 vagas de saldo, seguida de Elias Fausto com 1.409 e Indaiatuba com 1.205. Em todo o Estado de SP, a variação positiva foi de 129.908 vagas. Já em todo o Brasil, os números apontam 344.057 contratações a mais.

Segundo dados divulgados recentemente pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o desemprego caiu para 12,4% no segundo trimestre do ano no País, mas ainda atinge 13 milhões de pessoas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *