No peito e na raça, Ituano empata em Recife

André Castro é pouco para os abraços no gol de empate do Ituano em Recife (Foto: Marlon Costa/Futura Press)

Na noite desta domingo (03), o Ituano foi a Recife e empatou com o Santa Cruz em 1×1, pela segunda fase o Campeonato Brasileiro da Série C da temporada 2020.

No primeiro tempo o jogo foi equilibrado, bastante movimentado, mas com poucas chances de gol. Uma, bem aproveitada foi de Didira, que aos 23 minutos fez o gol do Santa Cruz.

Depois disso, o time pernambucano recuou e passou a sofrer pressão do Ituano. Na marca dos 40 minutos, Bileu foi expulso.

Então, curiosamente praticamente repetiu-se ao inverso o que havia acontecido em Itu, quando o Ituano saiu na frente e teve Paulinho Dias expulso ainda no primeiro tempo e o Santa virou.

Na etapa final, o Ituano dominou amplamente o jogo e chegou ao empate com André Castro, aos 32 minutos.

Daí por diante, o Ituano pressionou e o Santa Cruz esteve totalmente sem inspiração, sem forças e sem fôlego, esperando que o cronômetro corresse.

 O Galo, por sua vez, seguiu pressionando e martelando. E contando também com a sorte. Lourenço mandou uma bola do emio da rua e a bola bateu no travessão, aos 44 minutos.

Ao final, o resultado acabou sendo injusto ao volume de bola do Ituano que deveria ter deixado Recife com a vitória. Mesmo assim, o Galo segue na vice liderança do Grupo C e o Santa Cruz, em terceiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *