Trem Republicano inicia sua operação no mês que vem

Um dos vagões que compõe o Trem Republicano já desembarcou em Itu (Foto: Divulgação)

A primeira composição do Trem Republicano chegou nesta semana ao estado de São Paulo. Após serem transportados por mais de 500 quilômetros pela BR-116, uma locomotiva e um vagão foram descarregados nesta terça-feira (10), na Estação Ferroviária de Itu, que receberá ainda mais uma locomotiva e dois vagões até o fim do ano.

Iniciado há 15 anos, o projeto turístico do Trem Republicano passa a operar oficialmente na segunda quinzena de dezembro, mais especificamente no dia 21 de dezembro – data da abertura para o público. Antes, uma solenidade com autoridades municipais, estaduais e federais será realizada, só aguardando agendas dos políticos.

A rota de aproximadamente oito quilômetros será percorrida entre de Itu e Salto. A Serra Verde Express, atual concessionária dos trens turísticos na ferrovia Paranaguá-Curitiba, é a responsável pelo serviço.

O local escolhido para receber a composição do Trem Turístico será também o ponto de partida do passeio, a partir de dezembro. Na Praça Dr. Gaspar Ricardo, no Bairro Liberdade, em Itu, a Estação Ferroviária foi inteiramente restaurada para receber os passageiros e operar o serviço.

O imóvel sedia a Secretaria Municipal de Turismo, Lazer e Eventos e funciona ainda como central de informações turísticas. O local foi escolhido por contar com uma oficina para a manutenção dos trens. A estação ferroviária em Salto, escolhida como destino final, também foi restaurada e está pronta para receber os turistas.

A atração é considerada uma das apostas para a retomada da economia regional no período de pós-pandemia e conta com um projeto arquitetônico arrojado, moderno e aconchegante, com arquitetura dos vagões assinada pela arquiteta Lucille Amaral.

“Nos três vagões, o Trem Republicano vai transportar 132 passageiros em cada viagem e prevê ainda espaço para pets”, afirma Adonai Aires de Arruda, diretor presidente da Serra Verde Express. A composição restaurada deve levar aproximadamente uma hora para percorrer os 7,6 quilômetros do passeio.

Além do Trem Republicano, a Serra Verde Express também é responsável pelo passeio ferroviário entre Curitiba e Morretes, no Paraná, que percorre a maior porção contínua de Mata Atlântica preservada no Brasil. Mais de três milhões de passageiros foram transportados durante os 22 anos de operação nessa rota, o que rendeu à empresa premiações nacionais e internacionais, além da nomeação pelo jornal “The Guardian” como um dos 10 passeios de trem mais espetaculares do mundo.

Adonai, o chefe de redação André Roedel e o secretário Salton (Foto: Sônia Galvão)

Visita

Na tarde de segunda-feira (09), a redação do JP recebeu a visita do senhor Adonai e do secretário municipal de Turismo, Lazer e Eventos, Vinicius Salton, que falaram sobre o projeto. Segundo o diretor presidente da concessionária, foi feita uma “leitura do entorno de 60 km” quando a empresa resolveu participar da licitação, vencida em julho. A concessão vai durar 15 anos.

“Essa leitura fez a gente apostar na região”, disse ele. Ainda de acordo com Adonai, até que tudo se normaliza com relação à pandemia, o forte será o turismo regional. Ele comenta ainda que está desenvolvendo pacotes turísticos para tornar o Trem ainda mais atrativo. Na quinta-feira (05), uma reunião entre representantes do trade e da empresa discutiram as possibilidades.

Adonai comentou que o Trem terá uma linha de souvenires e o que o projeto irá movimentar diversos segmentos da economia regional. A abertura comercial será no dia 21 de dezembro e a expectativa é que os pacotes comecem a ser vendidos no início do mês. Haverá bilheterias nas estações de Itu e Salto, também. Serão duas locomotivas e três vagões: um boutique, um turístico e um econômico. No início, a capacidade será limitada por conta da pandemia. Os ituanos e saltenses terão 50% de desconto na passagem.

Os passeios acontecerão duas vezes por dia entre segunda e quinta-feira. Às sextas, serão três passeios, sendo um noturno. No sábado, três durante o dia e um à noite. E no domingo, três passeios no dia. Segundo Adonai, o passeio noturno terá um jantar personalizado. Para Salton, a Serra Verde Express foi um grande “presente” para o consórcio que opera o Trem Republicano. “Eles vieram para revolucionar o turismo da região”.

Adonai também explicou a “polêmica” de a locomotiva não ser uma Maria-Fumaça, e sim um modelo a diesel. Segundo ele, existem dois entraves: impactos ambientais e problemas com manutenção. Uma Maria-Fumaça é muito poluente e, por serem antigas, e os reparos são complexos. Mas ele não descarta o aluguel de modelos do tipo em datas comemorativas. “O que importa é o trem estar circulando”.

O Trem Republicano irá gerar entre 15 a 20 empregos diretos. “Mas os indiretos, é muita coisa. Por exemplo: um restaurante que está habituado a receber 50 pessoas por semana ele vai ter a possibilidade de passar a receber dez vezes mais. E assim sucessivamente”, disse Adonai à reportagem.

Locomotiva já chegou (Foto: Divulgação)

Prefeitos celebram

Os prefeitos de Itu e Salto, Guilherme Gazzola (PL) e Geraldo Garcia (PP), celebraram a vinda da primeira composição do Trem Republicano. “Muito obrigado a todos que acreditaram neste sonho e hoje podem vê-lo se tornando uma realidade. O trem vai apitar em dezembro”, exclamou o chefe do Executivo ituano em rede social.

“Esse momento histórico só foi possível por conta de um trabalho sério e comprometido de quase 15 anos. O Trem Republicano, que passará a operar em dezembro, irá fomentar o turismo local e aquecer a economia de ambas as cidades”, declarou o prefeito saltense.

Adonai destacou o trabalho dos dois prefeitos. “A receptividade foi encantadora. Um Executivo que teve a possibilidade de avaliar isso e de colocar, de uma forma ou de outra tem que ser reconhecido, porque tem o empenho deles em cima do projeto, que aconteceu e agora é realidade”, disse.

3 comentários em “Trem Republicano inicia sua operação no mês que vem

  • 12/11/2020 em 06:45
    Permalink

    Quem tem que ser reconhecido é o turismólogo Fábio Grizotto, da Secretaria de Turismo de Itu, que foi o idealizador do projeto, no ano de 2003.

    Resposta
  • 13/11/2020 em 08:18
    Permalink

    Espetacular projeto. Atrações turísticas atraem gente que geram emprego e renda além do que ver a antiga estação ferroviária operando já é um grande presente. Parabéns aos empresários

    Resposta
  • 13/11/2020 em 13:57
    Permalink

    Grandes merd@ esse trem republicano, podiam era criar um trem de uso coletivo como CPTM, ligando as cidades Campinas – Indaiatuba – Salto – Itu – Sorocaba – São Paulo com a CPTM…

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *