Venda de carros nas concessionárias de Itu tem crescimento e anima o mercado

Venda de carros nas concessionárias de Itu tem crescimento e anima o mercado

Segundo pesquisa do “Periscópio”, lojas de veículos já mostram aumento de 40% nas vendas. Tendência é de melhora.

Concessionárias apostam em diferenciais, como taxa zero, para atrair consumidores/ Foto – Beatriz Pires

No último dia 7, a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) divulgou que a produção de veículos segue trajetória de crescimento. As 266,1 mil unidades produzidas em abril significam alta de 40,4% contra as 189,5 mil de abril de 2017 e de queda de 0,5% ante as 267,5 mil de março deste ano.

A soma dos primeiros quatro meses do ano no quadrimestre ficou em 965,9 mil unidades, um aumento de 20,7% frente as 800,2 mil do ano passado. O aumento na produção também reflete nas vendas. O licenciamento em abril, com 217,3 mil unidades, registrou elevação de 38,5% se comparado com as 156,9 mil em abril de 2017 e de 4,8% sobre março desse ano, quando foram vendidos 207,4 mil veículos.

No acumulado do ano, as 762,9 mil unidades representam expansão de 21,3% – no ano passado foram comercializadas 628,9 mil unidades no período. Para Antonio Megale, presidente da Anfavea, os sinais positivos da economia influenciam o desempenho geral da indústria automobilística.

“Os resultados comprovam que a indústria automobilística segue acelerando o ritmo, com desempenho melhor a cada mês. Isso é consequência de um cenário macroeconômico favorável, que eleva a confiança de consumidores e investidores. Alguns fatos confirmam esta aceleração, como o aumento do nível de emprego do setor e as vendas do segmento de caminhões, diretamente ligadas à atividade econômica do País”, afirma.

Itu segue o cenário nacional de melhoria nas vendas de veículos. O “Periscópio” procurou as principais concessionárias da cidade, que comprovam os números. “No cenário nacional, tivemos um crescimento de 40% no mês passado, assim como 40% entre janeiro e março aqui em Itu. Nossa expectativa é que com a retomada da economia, em 2019, esse crescimento alcance os 50%”, declara o gerente da Andreta Motors, Glauco Fernandes.

O gerente geral do Grupo Bicudo, Celso Dantas, comenta que os primeiros meses de 2018 foram superiores em vendas comparando com o período de 2017 na concessionária Jeep Bicudo de Itu. “Este ano está melhor, estamos com um crescimento de 10% a 12% e nossa expectativa para os próximos meses é de um aumento de 15% a 20%”, relata.

Dantas também fala sobre as vendas em outra concessionária do grupo, a Citroën Notre Dame. “Estamos no aguardo de dois lançamentos, o C4 Cactus e a remodelização do C3, o que promete aumentar e muito o número de vendas. Estimamos um crescimento de 20% em relação ao ano passado”, afirma.

Na Maggi Fiat, o gerente Sérgio Cavalini afirmou que houve um crescimento de aproximadamente 20% nos quatro primeiros meses de 2018 com relação ao mesmo período do ano passado. Ele destaca que “houve um crescimento nas vendas corporativas, que oferecem descontos que variam entre 8% e 21%”. Venda corporativa é aquela feita não ao consumidor comum, mas aquele que tem CNPJ, ou seja, compra o veículo em nome de uma empresa. O gerente aponta que a maior procura na concessionária é pelos modelos Cronos, Argo e Toro.

Para Laerte Fontolan, da Maggi Volkswagen, as vendas também melhoraram. “Comparando com o ano passado, a gente aqui na Maggi teve um aumento de 25%. A maioria dos carros Volks, se o cliente der 60% de entrada, a condição fica taxa 0, diferença de 18 e 24 vezes”, explica.

 

Kia cresce 80,6%

Em todo o Brasil, a Kia Motors – que tem sede em Itu – também celebra crescimento nas vendas. A importadora registrou aumento de 80,6% nas vendas em comparação ao mesmo período de 2017, quando foram comercializadas 608 unidades da marca. Porém, no comparativo com março deste ano, mês em que a Kia emplacou 1.416 veículos, as vendas de abril tiveram redução de 22,5%.

Presidente da Kia Motors do Brasil, José Luiz Gandini mantém as projeções otimistas para as vendas dos próximos meses, motivadas pela expansão da rede de concessionárias e pela diversificação do portfólio de produtos da marca no País.

“Em abril, o destaque foi a ampliação da linha do SUV médio-grande Sorento, incluindo duas versões com tração integral, atendendo à demanda de muitos clientes e admiradores da Kia. Agora, nos preparamos para outros lançamentos que, certamente, também serão muito bem recebidos pelos consumidores brasileiros”, ressalta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *