Venezuelano vive drama em Indaiatuba

À espera pela chegada da esposa e dois filhos, atualmente na Venezuela, Carlos Ortiz, 30 anos, está em Indaiatuba e passa pelo drama de não conseguir contato com a família. O venezuelano havia comprado passagens para a família, mas foi obrigado a remarcá-las, conforme divulgou o portal G1.

Ortiz está vivendo e trabalhando em Indaiatuba há quatro meses. Mora com parentes e com o dinheiro do trabalho, conseguiu alugar uma casa e comprar as passagens para a esposa, um filho de dez anos e outro de um.

Porém, boa parte das comunicações na Venezuela foram cortadas e Ortiz tem dificuldades para manter contato. Ele disse que a população está sem televisão e sem internet. “Muitos sequer sabem o que está acontecendo”, desabafou.

O homem está morando em Indaiatuba com um primo, Luis Nelson Baena Campos, 42 anos, que está com toda a família no Brasil há aproximadamente um ano e meio. Agora, Baena procura dar conforto ao primo que anseia pela vinda da mulher e filhos, que residem em Anaco, estado de Anzoategui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *