Vereadores fazem doação de Bíblia em Braille à Escola de Cegos “Santa Luzia”

Bíblia em Braille custa quase R$ 3 mil e é dividida em 40 volumes/ Foto – André Roedel

A Câmara de Vereadores de Itu realizou na quinta-feira (12) a entrega de um exemplar da Bíblia em Braille – sistema de escrita destinada às pessoas com deficiência visual – para a Escola de Cegos “Santa Luzia”. Dividida em 40 volumes (com uma altura de 2 metros se empilhados), a edição foi doada pela Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) após contato com o vereador José Galvão, que presidiu os trabalhos da sessão solene.

“Com a apresentação dos projetos para o vereador José Galvão, ele falou da Escola de Cegos e a gente achou uma oportunidade incrível”, disse o secretário regional da SBB, Jardel Nascimento. A Bíblia, que custa R$ 2.800, conta com todos os livros, de Gênesis a Apocalipse, contemplando as escrituras das igrejas Católica e Evangélica.

A cerimônia de entrega contou com a presença também do prefeito Guilherme Gazzola, deputado federal José Olímpio, deputado estadual Rodrigo Moraes, vereadores, lideranças religiosas e representantes da Escola de Cegos.

Galvão, que foi quem intermediou a doação do exemplar, destaca o feito. “Foi um trabalho que nós iniciamos em 2017 e que começa a dar frutos. E hoje, especialmente, nós ficamos muito felizes da Câmara de Vereadores fazer essa parceria junto com a Escola de Cegos ‘Santa Luzia’ de poder entregar as escrituras e dar a oportunidade para que esses alunos possam conhecê-las”, disse.

O prefeito Gazzola, em seu discurso, fez um paralelo entre o sistema em Braille e a história da Bíblia, declarando que o livro “transcende religiões”. “A Bíblia não é só a palavra de Deus; ela é um compendio histórico”, disse ao JP, destacando o simbolismo da cerimônia. Guilherme ainda reforçou que a Prefeitura tem investido muito na acessibilidade, desde o esporte e educação até outras áreas.

Helena Aparecida Ferreira Lisboa, que está desde a fundação da “Santa Luzia”, falou que poder ler a Bíblia em Braille foi emocionante. “Um tempo atrás eu era salmista na igreja, então é uma coisa importante. Aliás, a gente louvar a Deus, ler e cantar é muito importante”, disse, declarando ainda que a Bíblia será muito usada pelos alunos da Escola de Cegos.

 

Foto: André Roedel

Bíblia em Braille custa quase R$ 3 mil e é dividida em 40 volumes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *