Encontro sobre elaboração de roteiro para documentário histórico acontecerá no CILA

Fachada da Fábrica São Pedro, em Itu (Foto: Lana de Oliveira/Divulgação)

Na próxima terça-feira (04), às 18h, acontecerá, no CILA – Centro Ituano de Letras e Artes (Rua Floriano Peixoto, 1.492, Centro), o evento mediado por Lana de Oliveira sobre “Elaboração de Roteiro para Documentário Histórico. Uma fábrica de MCMXII – Fábrica São Pedro”. No encontro, aberto e gratuito, será utilizado como exemplo o roteiro que Lana vem produzindo sobre a Companhia de Fiação e Tecelagem São Pedro.

O roteiro percorre sua história desde os tempos que antecedem sua fundação até seu fechamento, posterior tombamento e momento atual. Uma narrativa sobre o início das construções fabris do interior de SP, com foco na cidade de Itu, pontuando as transformações que as tecelagens trouxeram para a cidade, tanto no campo social, econômico e paisagem urbana. O destino de alguns destes monumentos históricos pós-tombamento e como se encontram atualmente no conceito de sua reutilização.

No evento será colocado uma visão abrangente sobre os principais fundamentos de elaboração de roteiros para documentários, passando pela escolha do tema, materialização da ideia, fundamentos de pesquisa, construções de narrativas e padrões de escrita. Percorrendo vários pontos do processo técnico envolvido, desde a ideia inicial até sua finalização.

Lana de Oliveira iniciou suas pesquisas sobre a Fábrica São Pedro há doze anos, compondo um extenso acervo próprio de imagens e gravações, material que está sendo utilizado como base para seu roteiro de um documentário de média metragem.

“No meu entender, para a cidade de Itu, a preservação de sua memória tem paralelo direto com a preservação de suas edificações históricas, podemos considerar que além de inúmeras informações guardadas nos mais variáveis arquivos, reunir tudo isto e contar esta história, dentro de um formato de roteiro, é o primeiro passo construtivo para um documento audiovisual, que poderá impactar um número imensurável de pessoas, no âmbito cultural e educacional. Considerando um exemplo a ser contado sobre o estado de utilização atual destas edificações, no que se transformaram e suas contribuições com a cultura e a arte”, afirma Lana de Oliveira.

O evento faz parte do projeto contemplado pela Lei Paulo Gustavo de fomento ao setor audiovisual através do edital 182/2023 – chamamento público 08/2023 promovido pela Secretaria de Cultura e Patrimônio Histórico de Itu através da Secretaria de Cultura do Estado de SP.

Sobre a roteirista

Lana de Oliveira é graduada em Marketing pela ESPM Escola Superior de Propaganda e Marketing, exercendo o trabalho de assessoria de imprensa e fotografia fine art. De forma autoral tem-se dedicado ao campo de pesquisas na área audiovisual e patrimônio histórico.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *