Médico flagrado em reportagem exibida no “Fantástico” pede exoneração do cargo

O cirurgião plástico Newton Canicoba, flagrado no esquema da “farra do ponto” no Conjunto Hospitalar de Sorocaba (CHS), pediu exoneração do cargo, conforme informou a Secretaria de Estado da Saúde nesta terça-feira (09), de acordo com informações do portal de notícias G1.

Newton, Francisco Manoel dos Santos Mendes e o cirurgião dentista Elias Agostinho Neto foram flagrados pela TV TEM e pelo G1 chegando ao hospital, saindo e voltando somente no fim do expediente para bater o ponto. A denúncia foi exibida pelo “Fantástico” no último domingo (07).

A denúncia motivou investigação do Ministério Público, Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp) e da própria Secretaria de Estado da Saúde, que criou uma comissão para apurar a conduta dos profissionais.

A Secretaria Estadual de Saúde criou uma comissão para apurar a denúncia. De acordo com a portaria publicada desta segunda-feira (08), três profissionais foram nomeados para compor a comissão. O médico Elmir de Souza Cardim Filho vai presidir a apuração preliminar junto com Luciane Pereira de Oliveira e Isonel Cortez.

De acordo com a secretaria, o grupo esteve no CHS na manhã de ontem (09). A comissão terá 30 dias para concluir a investigação, cujo resultado será encaminhado ao Cremesp e demais órgãos competentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *