Sede do Ituano é invadida após derrota

Dois elementos ligados a uma torcida organizada do clube invadiram a sede após a derrota do Ituano em Mirassol. Jogador da base foi ferido sem gravidade (reprodução/Internet)

A derrota do Ituano frente ao Mirassol na tarde deste domingo (19) teve desdobramentos desagradáveis que acabaram envolvendo duas pessoas ligadas a uma das torcidas organizadas do clube.

As pessoas invadiram a sede do Ituano e tentaram depredar o refeitório do clube que na oportunidade preparava-se para servir o jantar para alguns jogadores do elenco Sub-20.

O susto foi grande entre as merendeiras e conforme as primeiras informações, alguns vidros foram quebrados e estilhaços acabaram ferindo o ombro e as costas do atleta Léo Izidoro, do Sub-20.

No momento dos fatos, as duas pessoas não foram identificadas, mas as câmeras de segurança do clube deverá mostrar as imagens com detalhes. Por enquanto o Ituano ainda não se manifestou sobre o acontecido.

Apesar de todos os problemas que o clube vem passando pela péssima fase, nada justifica o acontecido. Violência não leva a nada!

Notas – Embora o fato tenha ocorrido na noite do domingo (19), o Ituano FC divulgou uma nota de repúdio na tarde da terça-feira (21). O clube repudia veementemente os fatos e afirma que o Departamento Jurídico já está tomando todas as providências para auxílio às autoridades para identificar e responsabilizar os agressores. A nota diz também que os atletas e colaboradores do clube tiveram todo o apoio.

Outra nota foi expedida pela T.O.G. – Torcida Organizada Galoucura, que chegou a ser citada por vários órgãos de imprensa. A direção da organizada afirma que seus integrantes não tiveram qualquer participação nos atos de vandalismo. Que está preocupada com o atual momento vivido pelo clube, mas não a ponto promover qualquer ato de vandalismo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *